Moradora de Pescaria Brava morre afogada em rio

1390
A vítima tinha Síndrome de Down e teria caído no rio sem que ninguém percebesse, quando submergiu e sofreu o afogamento, conforme relatos. O corpo foi recolhido pelo Instituto Geral de Perícias (IGP). A mulher foi identificada como Sílvia Corrêa da Rocha. O velório vai ocorrer a partir das 7h30, de sexta-feira, 29, na capela mortuária da Funerária Capivari do Dudu e o sepultamento no mesmo dia, às 10h30, no cemitério de Pescaria Brava.

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar (CBM), de Capivari de Baixo, as guarnições agiram com rapidez para tentar localizá-la, mas infelizmente a encontraram já sem os sinais vitais.

Uma mulher, 47 anos, morreu vítima de afogamento na manhã desta quinta-feira, 28, no rio que banha a região da localidade de Siqueiro, em Pescaria Brava.

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar (CBM), de Capivari de Baixo, as guarnições agiram com rapidez para tentar localizá-la, mas a encontraram já sem os sinais vitais.

A vítima tinha Síndrome de Down e teria caído no rio sem que ninguém percebesse, quando submergiu e sofreu o afogamento, conforme relatos. O corpo foi recolhido pelo Instituto Geral de Perícias (IGP).

A mulher foi identificada como Sílvia Corrêa da Rocha. O velório vai ocorrer a partir das 7h30, de sexta-feira, 29, na capela mortuária da Funerária Capivari do Dudu e o sepultamento no mesmo dia, às 10h30, no cemitério de Pescaria Brava.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/lagunainfoco

Agora Laguna

Comments

comments