Ronaldinho Gaúcho é detido no Paraguai por acusação de usar documento falso

192

O ex-jogador e o irmão Assis estão sendo investigados no Paraguai pelo suposto uso de passaportes adulterados para entrar no país.

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho foi detido nesta quarta-feira (4/3) pela polícia do Paraguai. A detenção ocorre sobre a acusação de que o craque teria usado um passaporte falso. A informação foi confirmada pelo portal Uol.

Ronaldinho havia chegado ao país vizinho ainda no começo da quinta para participar de eventos ligados ao futebol. O ex-jogador estava com o irmão Assis.

Eles estão um quarto de hotel e colaboram.  A expectativa é que o craque do Barcelona preste depoimento ainda nesta quinta-feira.

A polícia prendeu um homem que teria fornecido os passaportes falsos para o ex-jogador e o irmão.

Ano passado, Ronaldinho havia ganhado o título, pelo presidente Bolsonaro, de embaixador do turismo brasileiro.

A justiça brasileira chegou a retirar o passaporte de Ronaldinho no fim de 2018, quando o ex-atleta recebeu uma multa ambiental de 8,5 milhões de reais. No ano passado, Ronaldinho e o irmão chegaram a um acordo com o MP para receber os documentos de volta.

Fonte: Correio Brazilense

Comments

comments