Home Notícias Segurança Monitor da Escola Hercílio Luz é afastado da função

Monitor da Escola Hercílio Luz é afastado da função

713

O profissional foi acusado de praticar bullying contra uma criança de 10 anos. A menina relatou à mãe que ele e uma colega jogaram tinta em seu rosto e cola tenaz em seu cabelo.

Um monitor da Escola de Educação Básica Hercílio Luz, no centro de Tubarão,  foi afastado, na segunda-feira (26), de suas atividades na instituição de ensino. O profissional é suspeito de praticar bullying contra uma aluna de 10 anos. O trabalhador desempenhava a sua função na unidade há quatro anos.

A estudante afirmou, na última quinta-feira, para a mãe, Simone Bilbao, que foi  vítima de bullying. A garota contou que foi agredida por uma colega e pelo monitor de artes. “Ela chegou em casa com a roupa e o rosto sujos de tintas e o cabelo cheio de cola tenaz. Levei quase três horas para retirar esses produtos do cabelo. Não sei o que levou esse profissional e a colega a agirem dessa forma, porém, essa situação não vai ficar assim. Registrei um Boletim de Ocorrência (B.O) e minha outra filha (advogada) já está cuidando do caso”, garante a mãe.

Na segunda-feira, a direção da escola comunicou o afastamento do monitor. “Foi definitivo. Ele é um monitor e por isso não faz parte do quadro do Estado. Infelizmente, ele não fez esse controle com os alunos e tivemos que dispensá-lo, seguindo as orientações que nos foram repassadas”, explica o diretor, Frederico Bresciani.

Em nota, a direção da unidade explanou que na segunda-feira, uma reunião com os envolvidos no caso: pais, alunos, professores, monitores, Equipe Pedagógica e Gestora, representantes da Gerência Regional de Educação (Gered) e Conselho Tutelar. “A Escola de Educação Básica Hercílio Luz lamenta o ocorrido pois procura trabalhar visando o aprendizado e o bem estar de toda a comunidade escolar. Agradecemos as palavras de apoio e nos colocamos à disposição”.
O Notisul ouviu o monitor acusado pela mãe da criança, ele contestou as acusações, mas preferiu não emitir detalhes sobre os fatos.

Comments

comments