Mergulhadores encontram âncora histórica em Laguna

261

No local do achado, atracavam navios para carregamento de carvão

O achado foi na Lagoa Santo Antônio dos Anjos, no estacionamento em frente ao Posto Miramar. Este espaço era depósito a céu aberto de carvão vindo da bacia carbonífera. Ali atracavam muitos navios carvoeiros, provavelmente essa âncora era de um desses navios.

O que se encontra no solo, terrestre ou subaquático é de propriedade da União, e, para ser explorado, necessita de autorização das autoridades competentes e os resquícios e resultados têm que ficar na guarda fiel do local. No caso, a competência é do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e Capitania dos Portos.

O secretário de Turismo da prefeitura, Evandro Flora, informou que será preciso fazer um estudo para tentar descobrir a origem e qual embarcação pertencia a âncora. “Esperamos que este importante e histórico achado fique em Laguna. Endossando a ideia de fazer um monumento ali mesmo, onde foi encontrada, memorando a época do Porto Carbonífero”, resume Evandro.

Comments

comments