Prefeito de Capivari de Baixo decreta estado de calamidade financeira no âmbito da administração pública

O prefeito de Capivari de Baixo, Nivaldo de Sousa, decretou, na última sexta-feira (6), estado de calamidade financeira no âmbito da administração pública municipal.

O decreto estabelece que a medida é válida por um período de 150 dias, podendo ser prorrogado por igual período caso a situação que motivou tal decisão se mantenha inalterada. O decreto, entretanto, não dispensa o regular processo licitatório para a contratação de bens e serviços ou alienação e patrimônios.

Entre as justificativas que levaram o prefeito Nivaldo de Sousa a tomar esta decisão, estão o “alto índice de endividamento que assola o município”, “a grave crise econômica”, “o significativo aumento dos gastos públicos, especialmente com pessoal, verificado nos quatro últimos exercícios” e a “ausência de perspectivas de aumento na arrecadação em curto prazo”.

A medida do prefeito leva em consideração também a necessidade a curto prazo para fazer frente à crise, com vistas a garantir a continuidade na prestação de serviços públicos essenciais, em especial, nas áreas da saúde, educação e segurança pública.

Colaboração: Álvaro Dalmagro / Comunicação PMCB

Bingo sites http://gbetting.co.uk/bingo with sign up bonuses

22°C

Laguna - Santa Catarina

Mostly Cloudy

Humidity: 74%

Wind: 28.97 km/h

  • 24 May 2017 22°C 20°C
  • 25 May 2017 21°C 20°C