Governo de SC anuncia medidas restritivas para 7 regiões em nível gravíssimo por causa da Covid-19

646

Transporte coletivo está suspenso por 14 dias a partir de segunda (20). Decreto foi publicado ainda nesta sexta.

Governador de SC fala sobre novas restrições contra Covid-19

O governo de Santa Catarina anunciou na noite desta sexta-feira (17) que foi publicado no Diário Oficial do Estado um decreto com medidas mais restritivas para as sete regiões do estado em situação gravíssima por causa do coronavírus. O estado registrou 59 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas. É o número mais alto em um único boletim desde o início da pandemia.

As restrições, que abrangem 111 dos 295 municípios catarinenses, são:

  • suspensão por 14 dias do transporte coletivo urbano municipal e intermunicipal a partir da segunda-feira (20);
  • suspensão da concentração e permanência de pessoas em espaços públicos de uso coletivo, como parques, praças e praias, a partir deste sábado (18);
  • prorrogação até 7 de setembro da suspensão das aulas presenciais. A medida vale para unidades das redes pública e municipal de ensino, municipal, estadual e federal, relacionadas à educação infantil, ensino fundamental, nível médio, educação de jovens e adultos e ensino técnico.

Sete regiões em situação gravíssima

Mapa da situação das regiões de SC em relação ao coronavírus — Foto: Reprodução/NSC TV

As sete regiões em situação gravíssima por causa do coronavírus são: região Carbonífera, Foz do Rio Itajaí, na Grande Florianópolis, Laguna, Médio Vale do Itajaí, parte do Litoral Norte, e ainda a região de Xanxerê, no Oeste catarinense.

De acordo com o governo do estado, o objetivo é aumentar o isolamento social. Nesta sexta, Santa Catarina chegou a 51,5 mil casos confirmados da Covid-19.

O governador Carlos Moisés (PSL) destacou que as pessoas devem evitar sair de casa, usar máscara, evitar aglomerações e respeitar as regras de distanciamento social para reduzir a velocidade de transmissão da doença.

Movimento é intenso de Florianópolis com reabertura de galerias e centros comérciais — Foto: Diorgenes Pandini/NSC

Em 17 de março, o governo catarinense decretou situação de emergência por causa do novo coronavírus. Na época, foram determinadas medidas como fechamento do comércio e suspensão do transporte coletivo. Em 13 de abril, as lojas puderam reabrir. Porém, após essa flexibilização, o número de casos da doença em Santa Catarina mais do que triplicou.

Depois, semanalmente eram anunciadas alguma flexibilização, até que em 1º de junho o Governo de Santa Catarina anunciou um plano regionalizado das ações, passando para as prefeituras a responsabilidade de decidir pelas restrições de combate ao coronavírus.

Regional Carbonífera

Balneário Rincão
Cocal do Sul
Criciúma
Forquilhinha
Içara
Lauro Müller
Morro da Fumaça
Nova Veneza
Orleans
Siderópolis
Treviso
Urussanga

Regional de Laguna

Armazém
Braço do Norte
Capivari de Baixo
Grão-Pará
Gravatal
Imaruí
Imbituba
Jaguaruna
Laguna
Pedras Grandes
Pescaria Brava
Rio Fortuna
Sangão
Santa Rosa de Lima
São Ludgero
São Martinho
Treze de Maio
Tubarão

Regional da Grande Florianópolis

Águas Mornas
Alfredo Wagner
Angelina
Anitápolis
Antônio Carlos
Biguaçu
Canelinha
Florianópolis
Garopaba
Governador Celso Ramos
Leoberto Leal
Major Gercino
Nova Trento
Palhoça
Paulo Lopes
Rancho Queimado
Santo Amaro da Imperatriz
São Bonifácio
São João Batista
São José
São Pedro de Alcântara
Tijucas

Regional do Médio Vale

Apiúna
Ascurra
Benedito Novo
Blumenau
Botuverá
Brusque
Doutor Pedrinho
Gaspar
Guabiruba
Indaial
Pomerode
Rio dos Cedros
Rodeio
Timbó

Regional da Foz do Rio Itajaí

Balneário Camboriú
Bombinhas
Camboriú
Ilhota
Itajaí
Itapema
Luiz Alves
Navegantes
Penha
Balneário Piçarras
Porto Belo
Nordeste
Araquari
Balneário Barra do Sul
Barra Velha
Corupá
Garuva
Guaramirim
Itapoá
Jaraguá do Sul
Joinville
Massaranduba
São Francisco do Sul
São João do Itaperiú
Schroeder

Regional de Xanxerê

Abelardo Luz
Bom Jesus
Campo Erê
Coronel Martins
Entre Rios
Faxinal dos Guedes
Galvão
Ipuaçu
Jupiá
Lajeado Grande
Marema
Novo Horizonte
Ouro Verde
Passos Maia
Ponte Serrada
São Bernardino
São Domingos
São Lourenço do Oeste
Vargeão
Xanxerê
Xaxim

Fonte: G1

Comments

comments