terça-feira, agosto 20, 2019
Home Notícias Segurança Ex-comandante da Guarda Municipal de Laguna é indiciado por peculato e fraude

Ex-comandante da Guarda Municipal de Laguna é indiciado por peculato e fraude

2002

Ele teria desviado parte dos revestimentos cerâmicos que haviam sido doados à GML, para utilizar em obra na própria casa.

A Polícia Civil de Laguna concluiu o Inquérito Policial que apurava crimes praticados contra a Administração Pública pelo então Comandante da Guarda Municipal de Laguna entre os anos de 2015 e 2018.     

Após seis meses de investigação, em processo conduzido pela delegada Carolina Quintana Guedes, o suspeito foi indiciado pela prática do crime de peculato (por duas vezes) e fraude processual. 

“O ex-comandante, valendo-se das facilidades oferecidas pelo exercício do cargo, desviou, em proveito próprio, para fins de utilização em obra realizada na sua residência, parte dos revestimentos cerâmicos que haviam sido doados à GML no ano de 2015. Além disso, no em 2017, o então gestor público local, apropriou-se indevidamente de numerário recebido para o conserto de uma viatura da corporação”, informa a delegada.

Carolina Guedes destacou ainda que o suspeito, durante as investigações tentou enganar os peritos e policiais retirando os pisos cerâmicos que haviam sido desviados instalados em sua própria residência.

“Como se não bastasse o acusado efetuou a compra de outros pisos semelhantes àqueles desviados e os colocou no depósito da Guarda Municipal, retirando o código de barras/lotes deles, com intuito de comprometer a rastreabilidade dos pisos”, complementou a delegada da DPCo de Laguna. 

O ex-comandante foi afastado em julho do ano passado, ainda no início das investigações.

“Dentre as várias diligências realizadas, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, além da medida cautelar de afastamento da função pública, medidas que foram prontamente deferidas pelo Poder Judiciário e com manifestação favorável do Ministério Público”, revela Carolina. 

Fonte: Com informações do Portal A Hora

Comments

comments