quarta-feira, dezembro 11, 2019
Home Notícias Geral Eclipse solar de hoje (2) à noite será visível de forma parcial...

Eclipse solar de hoje (2) à noite será visível de forma parcial no Brasil

449

O fenômeno será total somente em uma faixa de terra entre o Chile, Argentina e Brasil. A mesma chance ocorrerá só em 2045. No Brasil, será no fim da tarde e visto em 14 das 27 capitais brasileiras

Eclipse solar desta noite será visível de forma parcial no Brasil. O fenômeno será total apenas em uma faixa de terra entre o Chile e Argentina e no Brasil, teremos a mesma chance apenas em 2045.

Mas, mesmo assim, de maneira parcial, poderá ser avistado e observado no Acre, Amazonas, Mato Groso do Sul, Mato Grosso e Roraima. No Brasil, teremos a mesma chance apenas em 2045.

A visualização do eclipse começará sobre o oceano às 13h55 (horário de Brasília) e às 18h50 o último ponto na superfície terrestre verá o fim do eclipse. Justamente por isso, os horários variam conforme a localização da cidade.

No Brasil, o evento vai ocorrer já no fim da tarde e será visto em 14 das 27 capitais brasileiras. Mas, não é pra desanimar porque o mês de julho costuma trazer ótimas oportunidades de observação do céu.

As noites longas do Inverno tornam-se uma boa opção de programa para quem tem férias nessa época. E as estrelas não deixam a desejar: as constelações típicas da estação mais fria brilham logo no início das noites,

Escorpião e Sagitário ao leste e o Cruzeiro do Sul bem alto, ao sul. Os planetas Júpiter e Saturno também dão o ar da graça logo após o pôr do sol. Os eclipses totais do Sol, apesar de acontecerem com certa frequência no planeta, não ocorrem nos mesmos lugares sempre.

Por isso, os astrônomos dizem que provavelmente cada um dos moradores da Terra terá uma única chance de ver o fenômeno. Este visível em 2 de julho não será um dos mais longos, em alguns casos, os eclipses solares podem chegar a 7 minutos de escuridão, mas, neste caso, ocorrerá em metade desse tempo.

—————————————-

EM SANTA CATARINA 

Em todas as cidades ele será visível, no entanto, é no Oeste do estado que o eclipse será visto por mais tempo: durante quase uma hora se não houver relevo no horizonte – que são os morros altos, que dificultam a visibilidade do sol se pondo e diminuem consideravelmente o tempo de observação. 

Chapecó é a cidade mais privilegiada para a observação. Já na Capital Catarinense o fenômeno será visível por cerca de 35 minutos. As informações são do doutor em física e coordenador do projeto Astro&Física na IFSC, Marcelo Girardi Schappo. 

— Nesse eclipse parcial, a lua come uma bordinha do sol. Essa bordinha fica escondida pela lua — comenta. 

Em Santa Catarina a última vez que ocorreu parcialmente foi em fevereiro de 2017. Ele foi visto em Florianópolis. Já totalmente, o último foi visto em 1994. Apesar do tempo transcorrido, o físico esclarece que não é raro. 

— Ele ocorre em diferentes locais e, muitas vezes, em lugares bastante difíceis de serem vistos, por isso que se pensa ser um fenômeno raro — esclarece. 

Outro fator que dificulta a observação do alinhamento dos astros é a chuva ou as nuvens. A previsão para a próxima terça-feira é de chuva em Florianópolis. Se chover, não será visto. Já se estiver nublado, mas, no horizonte não houver nuvens, a observação será possível. 

Litoral 

Considerando a cidade de Florianópolis como referência, a lua começará a encobrir o disco solar por volta de 16h55min e o sol se põe em torno de 17h30min, sendo possível observar o eclipse por aproximadamente de 35 minutos. 

Cuidados na observação 

A observação segura deve ser feita com vidro de soldador de tonalidade mínima 14 em frente aos olhos ou então com telescópios especialmente preparados para observação solar, por questões de segurança à retina. 

Eclipse lunar 

Em julho outro alinhamento entre astros está previsto, também parcialmente. Dessa vez, entretanto, será lunar. Ele ocorreu no próximo dia 16 e, conforme antecipou o doutor em física, ocorre entre o final da tarde e o início da noite em Santa Catarina. 

— Quando anoitecer o eclipse já vai estar acontecendo, porque inicia no fim da tarde. Como vai até 20h30min, aproximadamente, vamos ver ele na parte final — explica.

Fonte: G1 e Diário Catarinense

Comments

comments