Bolsonaro exonera Valeixo do cargo de diretor-geral da Polícia Federal; decisão foi publicada no Diário Oficial da União

265

A demissão de Valeixo pode causar a saída do Ministro da Justiça, Sérgio Moro, que já falou publicamente que avalia deixar o cargo caso houvesse troca no comando da PF.

O presidente Jair Bolsonaro exonerou Maurício Valeixo do cargo de diretor-geral da Polícia Federal. A demissão do braço direito do Ministro da Justiça, Sérgio Moro, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (24).

O texto do DOU diz que foi “exoneração a pedido”, como se Valeixo deixasse o comando da PF por conta própria, mas na prática foi por determinação de Bolsonaro.

A demissão de Valeixo pode causar a saída de Moro, que já falou publicamente que avalia deixar o cargo caso houvesse troca no comando da PF. Valeixo era de extrema confiança do ex-juiz desde de Curitiba.

Comments

comments